quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Um dia a mais


Hoje é um dia que nos é oferecido graciosamente. Uma espécie de bônus.
Ou não.

Depende da vida que se leva.

Quanto a mim, já o encarei como nefasto. Ocorreu que o único ano de minha vida passado inteiramente em uma prisão foi bissexto: 1.972. Resultado: paguei um dia a mais.

Hoje, vejo este 29 de fevereiro como bênção. Por mim, se o tempo parasse seria o ideal. Não sendo possível, que me dêem o brinde de um dia.

Em uma altura em que se discute, em Portugal, quais os dias que devem ser feriados ou de tolerância de ponto, gostaria que 29 de fevereiro fosse um dia de exaltação ao supérfluo, ao desregramento. Dia resultante de arredondamentos na contagem do tempo, deveria ser saudado como o resultado de um erro salutar.

E comemorado com espalhafato.

(e que a troika não me ouça)

1 comentário:

Saltapocinhas disse...

este dia devia ser feriado.
devia ser completamente dedicado à borga!